As Memórias Póstumas de Dina Di

por Robson Assis | | 25.3.10

Dina Di foi uma das maiores rappers nacionais e morreu na última sexta-feira, aos 34 anos, vítima de uma infecção hospitalar após dar à luz Aline, sua segunda filha. Vocal do Visão de rua, emplacou a participação feminina no rap nacional, com letras pesadas e bem marcantes.

Seu último single, inédito, chama-se "Prova de Fogo" e parece ter sido escrito como uma memória póstuma, uma oração sem grandes pretensões que de certa forma ganhou heróica importância após sua morte. A música tem participação do grupo Paradigma e Kiko santana. Prova de fogo está disponível para download aqui.

"Senhor,
Quero te servir, eu abro mão do meu tesouro
Sou pobre, cega e nua, mesmo com todo o meu ouro
E se eu morrer é pra nascer de novo e te seguir
E se eu perder é pra ganhar 100 vezes mais, evoluir
A vida é o nosso bem maior, sonhei que eu nunca morreria
Sonhei com o dia D, sonhei que Deus perdoaria
Mas há sonhos que não podem ser, olhos que não podem ver
Tempestades que não podemos prever"

(Achei o single no Rapevolusom)

Um comentário:

Lilian disse...

Nossa que interessante Robson ver algum comentário da morte da Dina Di pensei que só eu a conhecia e senti pela morte dela. A mina era muito foda! Umas das musias q eu mais curto dela : http://www.youtube.com/watch?v=MSpyNOTlU_4. bjos Lilian

Postar um comentário